O que esperar de 2016?

Dicas - Listas01/01/16 By: Juliana Freire
(0) Comentários

 

Olá, meninas!

Espero que tenham aproveitado bastante a virada do ano! Temos agora um ano novo e a chance de recomeçar do zero, afinal, ainda há muito por vir! É importante repensar sobre o que precisamos mudar, fazer ou agir diferente. Quando começa o ano, dá aquele friozinho na barriga só de pensar que várias surpresas nos aguardam pela frente. Seja na vida profissional, pessoal… Mas, afinal, o que esperar de 2016?

Achei na internet um site de astrologia que oferece uma previsão para 2016. Não sei se vocês acreditam, mas eu acho super legal, não custa conferir, não é mesmo? Vejam só que interessante:

 

…………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………

 

Chamado e caminho são palavras-chave de 2016. O chamado interior que toca a alma e nos faz seguir ideais e sonhos. Estamos em busca de um novo sentido para a vida. E este significado pode estar num caminho que passaremos a trilhar, na geografia, nas viagens e conhecimentos ou no traçado das buscas internas.

O que almejamos em 2016 (e o que precisamos) é sabedoria, que está além do mero conhecimento racional. A escola da vida ensinará mais do que as classes acadêmicas, embora haverá um aumento na demanda por estudo.

Quanto mais achamos que sabemos, mais precisamos ser humildes para compreender que em tudo há um aprendizado. Manter a humildade no saber e no agir será fundamental. 2016 é o ano da falência de velhas teorias e verdades. Velhas forma de educação e de conhecimento.

A verdade nos transformará. Mas será verdadeiro o que toca a alma e não o que tentam nos fazer engolir. Teremos que respeitar a verdade e a busca de cada um, o que poderá levar ao afastamento de lugares, pessoas e situações que já não condizem com a autenticidade da nossa busca.

Sábio é quem aplica na prática o que na teoria fascina. E que não se deixa envaidecer pelo saber. Saber sem agir pesará na alma.

2016 pede que saibamos diferenciar sonho real de utopia, desejo de expansão de quimera ilusória. E que não desistamos da visão interior e dos sonhos, pois haverá momentos de desesperança, num mundo que está em busca de outras respostas para as mesmas perguntas de sempre.

Ano de ceifar uma velha visão da realidade e de abrir os olhos para as verdades que antes eram inconvenientes, mas que não adianta mais esconder.

O universo é mais amplo do que a mente racional tenta enquadrar. Saberemos de coisas que nos esconderam por muitos e muitos anos. Mas chegou a hora da revelação, que transforma a teoria e a prática nossa de cada dia.

A espiritualidade será uma busca intensa em 2016. E cada um sabe o que lhe é sagrado. Não se trata de institucionalizar a fé, em seitas e religiões, que, aliás, tentarão provar que são a única verdade e converterão sedentos por algo que lhes traga a salvação, a redenção. Mas que trará somente dor, se baseada em extremismo doutrinário e visão de mundo estreita.

Nos primeiros meses de 2016 ainda teremos reflexos da quadratura de Urano e Plutão, que tem marcado os últimos anos e nos transformado intensamente, em termos individuais e coletivos. Muitas coisas fora da ordem, para que uma nova ordem seja criada. A necessidade de acordar para a autenticidade do que somos, destruindo as velhas formas.

Saúde, qualidade de vida e trabalho são temas importantes em 2016. É o que indica o movimento de Júpiter pelo signo de Virgem, até setembro. Saúde compreendida como a interrelação entre corpo, mente, emoções, alma. Uma vida mais saudável é essencial. E passa pela alimentação, por um consumo mais consciente, pela concepção de que menos é mais.

Importantes questões ambientais trarão à tona a necessidade de cuidar mais do Planeta. O “meio ambiente” quer-se inteiro. Mais respeitado.

Trabalho representará muito mais do que um meio de subsistência. Queremos sentido no que fazemos. Queremos ser úteis no labor. Que seja com mais sabedoria e amor. Caso contrário, o trabalho perderá o encanto. E será difícil levá-lo adiante, se não está alinhado com o sentido de chamado, de vocação.

Saturno em Sagitário em contato com Netuno em Peixes, especialmente entre junho e setembro, marca a necessidade interior de realizar sonhos, de seguir ideais, de ser um peregrino em busca de si mesmo e de evolução espiritual, cultural, mental. Um aspecto astrológico que evidencia também as ilusões e desilusões, a falta de base quando há excesso de fantasia.

 

Moms, esperam que tenham um 2016 maravilhoso e não se esqueçam de continuar acompanhando o blog!

Beijos!

 

Fonte: horoscopovirtual

 

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X Leia também:

Como deixar os brinquedos organizados de uma forma que decore o quarto das crianças!

01/01/16Ver a matéria   >>