10 dicas da Ciência para criar filhos felizes!

De Mãe para Mãe - Dicas dos especialistas - Psicologia - Saúde da Criança11/06/19 By: Juliana Freire
(17) Comentários

 

Olá, moms!

 

Adoro ler dicas e matérias que me ajudam a dar uma boa educação aos meus filhos! Por outro lado, sei que não existe regra, nem receita, pois cada criança é uma. Se todas fossem iguais seria tudo beeeem mais fácil!

 

Quando se trata, porém, de algo cientifico, estudado e pesquisado, acho que vale a pena dar mais credibilidade! O site LiveScience elegeu as 10 dicas mais úteis que os pesquisadores dão para educar crianças felizes! São dicas coerentes, então achei interessante dividi-las com vocês! Quanto mais informações tivermos, mais oportunidades de acertarmos, né?

 

Deem uma olhada!

 

 

1) Conheça seus filhos!
Todo mundo pensa que sabe a melhor maneira de educar uma criança. Mas na verdade, as crianças cujos pais adaptam seu estilo parental à sua personalidade, têm metade da ansiedade e depressão comparado às crianças da mesma idade com os pais muito rígidos, de acordo com um estudo publicado em agosto de 2011, no Journal of Abnormal Child Psychology. Uma boa educação é baseada em um conhecimento profundo. Quanto mais tempo passamos com os filhos, mais aprendemos com eles e a respeito deles. Esta dica serve para guiar o trabalho de educar em todas as situações.

 

 

Captura de Tela 2013-09-09 às 00.01.32

 

 

2) Não force a perfeição (nem sua, nem do seu filho)!
De acordo com o mesmo estudo citado acima, os pais que acreditam que a sociedade espera perfeição deles são mais estressados e menos confiantes nas suas competências parentais. Portanto, faça um esforço para ignorar a pressão. Ninguém é perfeito e as crianças não podem sofrer em demasia por estarem aquém das expectativas. A melhora das habilidades do seu filho deve acontecer através do incentivo, não de pressão.

 

 

Captura de Tela 2013-09-09 às 07.40.03

 

 

3) Permita a argumentação!
É claro que você não deve deixar o seu filho sempre dizer aquilo que pensa a qualquer hora, mas um pouquinho de “desrespeito” é saudável. Pais que sufocam completamente a argumentação das crianças durante uma discussão, ajudam a criar adolescentes que não sabem lidar com situações de oposição. É necessário haver diálogo. “A autonomia em casa promove a autonomia entre amigos”.

 

 

Captura de Tela 2013-09-08 às 23.56.32

 

 

 

4) Bom relacionamento entre mães e filhos!
A casa deve ser a base segura para os filhos. A relação calorosa, entre a mãe e o filho homem parece ser ainda mais importante na prevenção de problemas comportamentais do que com meninas. Os filhos meninos são os que mais precisam de uma presença feminina em casa. Estudos recentes apontam uma ligação estreita entre a boa relação mãe e filho até a adolescência, com o sucesso das relações amorosas do rapaz anos depois.

 

 

Captura de Tela 2013-09-08 às 23.54.47

 

 

5) Vigie sua saúde mental!
Nenhuma criança consegue ser 100% estável mentalmente se seus próprios pais tiverem problemas nesse sentido. Mães deprimidas, por exemplo, contribuem para o aumento do estresse desde a primeira infância. Esta situação se agrava porque trata-se de um período muito exigente, em que a mãe precisa atender a incontáveis chamados e choradeiras do bebê.

 

 

Captura de Tela 2013-09-09 às 07.35.00

 

 

6) Conserve seu casamento!
Um dos maiores trunfos de educação dos filhos não está na sua relação direta com eles, mas sim entre você e seu companheiro. Um casamento (relacionamento) estável aumenta as chances de segurança emocional dos pequenos. Pesquisas apontam que os problemas de insônia em crianças estão relacionados a casamentos desequilibrados, em que os filhos são forçados a escutar brigas no quarto ao lado quando precisam dormir.

 

 

Captura de Tela 2013-09-08 às 23.59.34

 

 

7) Ofereça liberdade!
É primordial deixar os filhos saírem pouco a pouco das asas dos pais. Impedir que os filhos vivenciem determinadas situações não apenas atrasa a experiência das crianças, mas também origina problemas como ansiedade, individualismo e um fechamento natural a novas experiências. Se você é o tipo de pai que questiona os professores a cada nota ruim do filho na escola, é hora de repensar alguns conceitos.

 

 

Captura de Tela 2013-09-09 às 00.03.25

 

 

8) Estimule a autocompaixão!
Autocompaixão é  a capacidade de gerenciar os pensamentos e emoções, sem se deixar levar ou reprimi-los É ter empatia com o sofrimento dos outros e um reconhecimento do seu próprio sofrimento com compromisso com a solução do problema. Uma criança não deve ser incentivada a reprimir seus pensamentos e sentimentos. Um filho saudável é aquele que sabe entender a si mesmo, nos erros e acertos, e os pais têm um papel crucial nesse sentido, com palavras e exemplos.
Captura de Tela 2013-09-09 às 00.02.49

 

 

9) Seja positivo!
A agressividade infantil está diretamente relacionada ao clima emocional que a criança encontra em casa. E filhos que tiveram histórico de agressividade até os 5 anos de idade tendem a carregar essa característica adiante na vida. Dessa maneira, é muito importante evitar atitudes negativas na presença das crianças.

 

 

Captura de Tela 2013-09-09 às 00.00.28

 

 

10) Brinque desde muito cedo!
Brincando com seu filho, você ajuda a prepará-lo para o sucesso social. Quando os pais brincar e fingem, dão para as crianças e jovens as ferramentas para pensar criativamente, fazer amigos e gerir o stress. Portanto, sinta-se livre para deitar e rolar com seus filhos, eles vão lhe agradecer mais tarde.

 

 

Captura de Tela 2013-09-09 às 07.35.32

 

 Fonte: Livescience  e  Mundo Ovo

Conteúdo exclusivo do site Just Real Moms.

Categoria: Gravidez, maternidade, blog de mãe, blog para mãe, dicas de mãe, dicas para grávidas, dicas de maternidade.

 

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

17 Comentários:10 dicas da Ciência para criar filhos felizes!
  1. Avatar
    Elaine Cristina de Araújo Silva

    Simplesmente ótimo. Toda dica é válida e algumas serviram pra mim, é claro. Obrigada por compartilhar.

    • Avatar
      Juliana

      Oi Elaine, que bom que você gostou! Obrigada pela participação. Mil beijos

  2. Avatar
    Juliana

    Excelente post Ju… Temos q ficar atentas a tudo, sempre nos informar, dividir opiniões é valido também e com isso criarmos da melhor maneira possível e da melhor forma. Bjs

    • Avatar
      Juliana

      Com certeza Ju, essas dicas são sempre muito valiosas! Beijos

  3. Avatar
    Carolina Maeda

    Texto muito coerente! São essas dicas simples que fazem com que a relação dos pais com os filhos seja estreita, amigável e amorosa!
    Parece simples ao lermos, porém o grande desafio está em sair da teoria e ir para a prática!

    • Avatar
      Juliana

      Oi Carol, na teoria tudo é perfeito, mas colocar em pratica é muuuuuito dificil, né? Beijos e obrigada por participar do blog.

  4. Avatar
    aparecida

    gostei muito ;obrigada!

  5. Avatar
    Livia Cardoso

    Ótima matéria

  6. Avatar
    Dayane

    Adorei o primeiro tópico, penso ser o mais importante, pois, conhecendo seu filho fica muito mais fácil aplicar todos os outros.

  7. Avatar
    Círia

    legal!

  8. Avatar
    Alcione Balsante

    Que ótimo este post, amei cada dica!!

  9. Avatar
    Verônica

    Amei….

  10. Avatar
    Iracema Facciolli Maia

    Excelente artigo .Adorei. Sou psicóloga e trabalho com grupos de pais de crianças com dificuldade de aprendizagem.Vai ser muito útil .Obrigada.

  11. Avatar
    Lidiane S. Sousa

    Otimas dicas…
    Obrigada vou tentar por em pratica…

  12. Avatar
    Raquel

    Que artigo espetacular! Obrigada pelas dicas na educação do bem mais precioso que temos, os filhos.

  13. Avatar
    Monica Nunes

    Eu adoro ler artigos que nos ajudam a educar, sempre tem algo para nós mães melhorar.Adorei.

  14. Avatar
    Rosana

    Muito bons conselhos

X Leia também: