Qual é a melhor idade para colocar as crianças na aula de ballet? – por Ballet Paula Castro

De Mãe para Mãe - Dicas dos especialistas29/03/17 By: Ana Lú Gerodetti
(0) Comentários

 

Olá, moms!

Tudo bem?

Quando a Ana Helena fez 3 anos, ela me pediu para fazer ballet. Como ela era muito pequena na época, procurei por uma escola de ballet para pequeninos e foi aí que encontrei a escola de Ballet Paula Castro.

A escola tem uma turma chamada “baby ballet”, especializada em criança de 2 a 3,5 anos. A Ana Helena amou de paixão! A Re também colocou a filha dela para fazer aulas lá e o resultado foi igual: a Maria Antônia adorou!

Todas as aulas são feitas com muito cuidado e atenção, por isso super indico a escola para quem está pensando em levar as crianças ao ballet. Além de ser um momento de diversão para os pequenos, é também uma das coisas mais fofas do mundo…

Como muitas de vocês nos perguntam sobre a idade apropriada para começar as aulas de dança, pedimos para as meninas do Ballet Paula Castro escreverem um artigo sobre o tema.

Confiram!

 


 

Qual é a melhor idade para colocar as crianças no ballet?

Qual é a melhor idade para colocar as crianças na aula de ballet?

 

O ensino da dança para crianças pode começar muito cedo. A partir dos dois anos a criança já tem suas habilidades motoras mais aguçadas e é capaz de participar de uma aula completa, pois possui a capacidade de seguir instruções, o respeito pelas figuras de autoridade, a cooperação entre pares, autoconfiança e está disposta a superar seus medos.

Na iniciação e nos primeiros anos de ballet as aulas são lúdicas e servem de entretenimento para as crianças, que desenvolvem de forma natural os movimentos corporais, a musicalidade, a coordenação motora e o equilíbrio. Se você é mãe ou pai e tem dúvidas sobre colocar seus filhos desde cedo no ballet, não se preocupe! Siga em frente, desde que você perceba que seu filho/a está à vontade com as aulas. Lembre-se de que a felicidade dos seus filhos é mais importante do que seus desejos de mãe/pai nessa hora.

Mas, além da felicidade dos seus filhos nessa atividade, é importante que os pais procurem escolas reconhecidas de dança, que trabalhem com profissionais altamente qualificados para ministrar as aulas de acordo com a faixa etária e a maturidade física das crianças, garantindo segurança no aprendizado.

As aulas para crianças até 6 anos não possuem disciplinas rígidas, muito pelo contrário, são aulas alegres e dinâmicas que despertam na criança o interesse pala dança. Esse interesse leva a uma desenvoltura corporal que não se limita à sala de aula, pois a criança torna-se mais presente e expressiva em todos os ambientes.

Com o passar dos anos a dedicação ao ballet aumenta e as crianças vão desenvolvendo novas habilidades corporais e de expressão, até que tenham maturidade física e psicológica para frequentar aulas com maior duração, dedicação e exigências técnicas, o que geralmente acontece por volta de 7 anos, de acordo com o progresso do aluno.

É importante destacar que, ao iniciar o ballet infantil, não se deve incentivar o uso de sapatilhas de ponta já nas primeiras aulas, pois é somente por volta dos 11 anos de idade que as crianças ganham mais força na estrutura dos pés. Por isso, recomenda-se que as sapatilhas de ponta sejam introduzidas a partir dessa idade e para bailarinas com, pelo menos, dois anos de prática na dança.

 


 

Texto produzido por Ballet Paula Castro – Há 40 anos educando pela dança.

Conheça o Ballet Paula Castro e surpreenda-se!

http://www.balletpaulacastro.com.br

Facebook: https://www.facebook.com/balletpaulacastro

Instagram: https://www.instagram.com/balletpaulacastro/

Unidade Morumbi (11) 3758-0017 / 3758-0079 / [email protected]

Unidade Pompéia (11) 3871-0123  / [email protected]

Unidade Alto de Pinheiros (11) 3021-0240  / [email protected]

 

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X Leia também: